quarta-feira, 16 de junho de 2010

Bafo de onça

Juninho estava na casa de seu amigo, Arthur, em um churrasco, onde estavam a turma inteira da faculdade e alguns amigos de amigos.
Juninho observa uma linda ruiva sentada sozinha apenas observando o ambiente.
Ele senta ao lado dela e começa a puxar papo. Então ela começa a falar sem parar, da vida dela, roupas que gosta, o shopping preferido dela, o encontro com suas amigas de sexta-feira e blá blá blá.
Mas Juninho não reparou na tagarela e seus papos de menina, e sim no bafo dela, que realmente era de matar. Ele faz um sinal de espera para ela, foi até o varal, pegou um prendedor, colocou no nariz e disse para ela:
- Aonde estava mesmo?

5 comentários:

WiLL disse...

KKKKKK ai é de fude o piru eim !!! Bafo ninguem merece =x

Tassyane disse...

Nossa! Hahaha... Maldade a do Juninho em! Mas, realmente a guria devia se cuidar ou não tagarelar. Hahaha

Beijão, Paulo!

iagomarcell disse...

haskuhasukahuksh
Tadinhaaa, só pq não escovou os dentes .D

♥ Evelin Pinheiro ♥ disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
pelamordeDeus...além de falar demais ainda com bafo???
aí é ruim de aturar...
eu tb falo demais :X... mas falo coisas interessantes... =D

Obrigada pelas visitas!!Andei meio ausente pq tava sem net em casa, mas td está entrando nos conformes de novo \o/.

BjO Paulo!

http://www.evesimplesassim.blogspot.com/

luiz scalercio disse...

cara nao dar para encara ela fala
demas.kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk